ClubHouse, mais uma plataforma de podcasts aberto? Ou uma nova plataforma revolucionária?

ClubHouse, mais uma plataforma de podcasts aberto? Ou uma nova plataforma revolucionária?

Aprenda a ouvir!

Por muito tempo as plataformas deram palco às nossas ideias e posicionamentos, como Instagram, Facebook e o próprio Twitter, possibilitando dar lugar de fala a qualquer um com um celular na mão, mas essa nova rede social chegou para mudar um pouco essa história.

Trazendo a cultura dos Podcasts, unidirecional, permitindo apenas a escuta, trazer pautas específicas, integradas a um público que engaja com esses assuntos de interesse específico.

E quebrando essa barreira, o ClubHouse permite que os palestrantes se conectem com o auditório. Como em uma sala de aula, alguém levanta a mão e o professor permite a fala dessa pessoa, existe a mesma mecânica lá dentro, criando um painel de pessoas no mesmo palco, podendo ser removida por moderadores.

Os moderadores da sala podem, a qualquer momento designar novos moderadores, remover pessoas e subir até o painel principal da sala, onde a fala é permitida.

O Clubhouse foi em lançado em março de 2020 por Rohan Seth, ex-funcionário do Google, e Paul Davidson, empresário do Vale do Silício, como um “novo tipo de produto social baseado na voz, que permite que pessoas de todos os lugares falem, contem histórias, desenvolvam ideias e criem amizades ao redor do mundo”

Quero Convites!

Novos interessados podem baixar o app e entrar em uma lista de espera, sincronizada com os contatos do celular. Se algum amigo estiver lá e ainda não tiver usado os dois convites, pode liberar sua participação. Com a crescente popularidade da rede, isso não deve demorar muito.

Houve também relatos de algumas pessoas que já estão dentro, onde enviam convites a pessoas que solicitaram a entrada na plataforma e que não possuem convite ainda, através do reconhecimento dessa solicitação com a lista de contatos que a pessoa cadastrada já possui, porém não se sabe da frequência que esses convites são habilitados a essas pessoas.

DONT’s

– Não é permitido filmar e/ou publicar os conteúdos sem permissão!

– Não seja a pessoa que vai ao banheiro com o áudio ativado!

– Não seja aquele que só interrompe e não ouve!

Androids

No momento, a plataforma começou apenas com os usuários de Iphone, mas os desenvolvedores (Rohan Seth e Paul Davidson) disseram que “em breve” haverá uma versão para Android.

Dicas

Dá para criar chats privados, de tema livre, para falar apenas com seus contatos. Como moderador, você controla quem pode falar e quem apenas escuta. Dá até para definir que você seja o único permitido a falar.

Crie uma pasta com fotos para cada situação, como uma sala de negócios, da galera empreendedora, para quem curte BBB, ou até mesmo de relacionamentos, com certeza isso será um diferencial bacana enquanto estiver na sala.

Crie sua pauta antes de criar sua sala, defina os pontos de condução da conversa, isso facilita o fluxo, e evita silêncios e mudança de rota nos assuntos delimitados.

Divirta-se!

Antes de tudo, isso é uma rede social, então faça conexões, networking, o que seja, aproveite ao máximo de tudo o que ela pode oferecer!

Deixe um comentário